Comércio Editorial TIC's

SmartHint usa IA e adiciona mais de R$ 200 milhões em vendas

Solução utiliza recomendação personalizada para melhorar a experiência de compra do consumidor e aumentar a taxa de conversão de pequenas e médias lojas virtuais.

Presente no mercado há pouco mais de um ano e meio, a SmartHint já gerou em 2018, mais de 200 milhões em vendas para o setor de comércio eletrônico e vendeu em média R$ 28 mil para as lojas virtuais que usufruem da solução.

O faturamento das mais de 7.000 lojas virtuais que utilizam inteligência artificial já passou de 2 bilhões, o que representa 3,6% de participação nas vendas totais do setor, que este ano tem previsão de fechar em R$ 69 bilhões segundo Associação de Comércio Eletrônico (ABComm).

Sobre a solução

A SmartHint é um sistema de recomendação que utiliza inteligência artificial para oferecer os melhores produtos conforme o perfil de compra dos consumidores, em lojas virtuais de pequeno e médio porte.

Proporcionar uma boa experiência de compra no momento que o consumidor acessa uma loja virtual, através de vitrines de recomendação e campanhas de retenção, é o propósito da startup.

A experiência de compra que o consumidor tem ao buscar um produto e receber uma recomendação do item na vitrine da loja virtual, aumenta efetivamente a chance do cliente finalizar uma compra.

Essa prática de disponibilizar recomendações de produto para o cliente por meio de vitrines personalizadas já tem sido ofertada em grandes, médios e pequenos e-commerces, como Coach, Kipling, Diesel, New Balance, entre outros.

Com essa ideia a startup ganhou o prêmio de inovação e melhor startup de Varejo e Consumo da América Latina do concurso Start Me Up que aconteceu na feira Latam Retail Show em 2018.

A inspiração

No Brasil frequentemente um consumidor entra em uma loja virtual a procura de um produto, não encontra o que deseja e sai do site sem comprar nada. A taxa de conversão de vendas pelo e-commerce chega a 1,6% ou seja, para cada 1.000 visitas apenas 16 pedidos são realizados, segundo dados da Experian Hitwise.

Já familiarizados com o setor de comércio eletrônico e com o propósito de fazer o ramo crescer, foi a partir deste dado que Rodrigo Schiavini e Marlon Korzune fundadores da SmartHint, perceberam uma possibilidade de negócio.

‘’Percebi como é grande a dificuldade que o consumidor tem de encontrar o que procura em uma loja virtual, diante desse cenário de dor, cheguei à conclusão que poderia fazer algo para melhorar a vida destes consumidores, melhorando a experiência de compra na loja virtual e com isso, elevar a taxa de conversão’’ contou Rodrigo Schiavini, CEO da SmartHint.

Fundada em 2017, o pontapé inicial da startup foi dado no Brasil e em pouco tempo conquistou espaço em mais 6 países (Argentina, Chile, México, Colômbia, Estados Unidos e Portugal) e desde então apresenta resultados expressivos.

Hoje, o sistema da SmartHint realiza 30.000 recomendações por minuto, o que significa que em apenas 1 dia, são aproximadamente 42 milhões de recomendações para lojas virtuais de todos os setores.

O serviço é contratado através de um pacote de assinatura mensal, que oferece vitrines e pop-ups personalizados para ajudar o consumidor a encontrar um produto desejado de forma mais fácil.

Sobre o autor

Wagner Marcelo

Atuo profissionalmente como arquiteto de inovação, gerando e fomentando ecossistemas empreendedores e tecnológicos, hoje somados são mais de 400 mil pessoas ligadas a nossa rede.
Tenho como missão o desenvolvimento de negócios disruptivos.

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.